.


.

  24 Horas
  Papo de Mídia
  Rádio PB

.

.

OFERECIMENTO

.

ATENÇÃO: página melhor visualizada em 1024 x 768 - Seja bem vindo ao PAPO DE BOLA - O SITE!

.

24 HORAS
Futebol, esportes, sintonias e belas

.

Segunda, 9 de outubro de 2017 - ANO 15, EDIÇÃO 31
A Segundona na segundona, tchê

Segunda Divisão na segunda-feira com sotaque gaúcho. É a abertura da 28ª rodada com Internacional x Brasil de Pelotas no Beira-Rio. Só que o homem do campo bem sabe que não se deve colocar o carro na frente dos bois, por isso, antes é preciso que se registre as quatro partidas que fecharam a 27ª no último sábado.

Como a vitória do América diante do Santa Cruz no Recife, que reconduziu os mineiros à vice-liderança para mais próximos deixá-los do regresso à Primeirona e os pernambucanos em situação ainda muito danada. Mais danada ainda pois o Luverdense fez seu papel ao trincar o Figueirense no confronto direto anti-descenso para dos quatro últimos ficar distante. Nada distante deles ficou o Guarani, que mandou Marcelo Cabo embora após 3 empates e 3 derrotas e contratou Lisca para sair do buraco no qual se meteu após tomar 3 do Mazinho, que levou o Oeste a "fungar no cangote" da zona do acesso. Teve ainda o Criciúma batendo o Londrina de virada.

Esta é a Série B após 27 rodadas: 1) Internacional com 54; 2) América Mineiro com 51; 3) Paraná com 49; 4) Ceará com 48; 5) Oeste com 47; 6) Vila Nova com 46; 7) Juventude com 45; 8) Criciúma com 42; 9) Brasil de Pelotas, Londrina e Boa Esporte com 37; 12) Paysandu com 36; 13) CRB com 35; 14) Goiás, Guarani e Luverdense com 34; 17) Figueirense com 32; 18) Santa Cruz com 29; 19) Náutico com 23; e 20) ABC com 18. Como o Coelho deu uma razoável separada de 4 pontos depois do último fim-de-semana, agora dá para dizer que a distância do 3º ao 7º colocados é de apenas 4 pontos, sendo que do 4º para o 7º é de 3. Lá embaixo, o ABC "já foi", Náutico tá no "Jesus está chamando", o Santinha tá deplorável e, do 17º ao 12º, são apenas 4 pontos de distância.

Aberta hoje com Colorado x Xavante às 20h num Gigante já preparado para receber Paul McCartney na próxima sexta (comigo ausente por não ter verba suficiente para isso e nem ninguém que me leve, rs), a 28ª rodada terá no mesmo dia Paysandu x CRB às 19h15, Paraná x Criciúma às 20h30 e Juventude x Londrina às 21h30. Sábado, a sessão das 16h30 terá América x Luverdense, Figueirense x Santa Cruz, ABC x Boa Esporte e Vila Nova x Goiás, (no momento em que escrevo) só com torcida vilense por decisão judicial via liminar. Fechando a semana, tem mais duas jornadas para fortes e "fortes" às 19h: Oeste x Ceará e Náutico x Guarani.

Dentro de campo não tem crise, não

Se a última semana foi dor de cabeça pura para o Cruzeiro fora das quatro linhas devido ao inesperado quiproquó envolvendo o futuro presidente eleito Wagner de Pires Sá, dentro delas nada disso foi mostrado. Inicialmente na frente, a Ponte Preta viu os mandantes empatarem e virarem com direito ao primeiro gol de Thiago Neves depois de 11 rodadas. Título eu acho que não dá mais e vaga na Libertadores não é necessária por obtida via conquista da Copa do Brasil, mas os azuis seguem agora num tranquilito cumprimento de formalidade.

Eis o Brasileirão após 26 rodadas: 1) Corinthians com 55; 2) Santos com 47; 3) Grêmio com 46; 4) Cruzeiro com 44 (um jogo a mais); 5) Palmeiras com 43; 6) Botafogo com 40; 7) Flamengo com 39; 8) Atlético Paranaense e Atlético Mineiro com 34; 10) Vasco com 33; 11) Vitória e Chapecoense com 32; 13) Bahia, São Paulo, Ponte Preta (um jogo a mais) e Fluminense com 31; 17) Sport e Avaí com 30; 19) Coritiba com 28; e 20) Atlético Goianiense com 25. Com a Raposa dentro dos seis primeiros, o G6 vira G7 e termin, portanto, no Mengão.

Agende-se pra 27ª rodada, que começa na 4ª com: às 19h30, Botafogo x Chapecoense e Atlético Paranaense x Atlético Goianiense; às 21h, Corinthians x Coritiba; e às 21h45, Avaí x Vasco, Atlético Mineiro x São Paulo e Grêmio x Cruzeiro. A quinta-feira terá bola em jogo em dose tripla à tarde por ser feriado: às 17h, Flamengo x Fluminense, Ponte Preta x Santos e Vitória x Sport; e às 21h, Palmeiras x Bahia.

Divisão terceira com Nordeste de primeira

Força nordestina comprovada de fato e de direito nas finais da Série C, não só ao emplacar três semifinalistas e subi-los para a Série B no ano que vem, como também ao fazer a final toda da região, que assim voltará a fazer o campeão da Terceirona pela vez primeira desde 2013, quando a mesma coisa aconteceu e deu Santa Cruz sobre o Sampaio Corrêa. Este foi eliminado pelo Fortaleza graças ao gol fora de casa, que obrigava os maranhenses a marcarem 3 vezes para avançarem. Só vieram dois gols do Bolívia Querida, que nem sequer ganhou a partida pois o Leão do Pici empatou no fim com um pênalti. Pênalti que fez o São Bento ganhar do CSA e pênaltis que fizeram os paulistas caírem para os alagoanos, que assim salvaram suas peles e chegaram à decisão.

Decisão esta cuja ida será no Castelão de Fortaleza, com a volta sendo no Rei Pelé - e desta forma, pela primeira vez uma final de Brasileirão de qualquer divisão com clube de Alagoas envolvido terá o "jogo do título" realizado no palco maior de Maceió, já que longe dele aconteceram as finais anteriores, entre elas as perdidas pelo próprio Azulão do Mutange nas Séries B de 1980 para o Londrina, 1982 para o Campo Grande (RJ) e 1983 para o Juventus da Mooca, além da Série D de 2016 para o Volta Redonda, sem contar a da Série C de 2011 perdida pelo CRB para o Joinville. Já o Tricolor quer ser mais do que apenas vice igual às Taças Brasil de 1960 e 1968 e às Séries B de 2002 e 2004. Portanto, teremos um campeão nacional inédito, o que não é pouca coisa, não.

Os garantidos na Rússia em 2018

Até a publicação destes escritos, temos estes países confirmados: Alemanha, Arábia Saudita, Bélgica, Brasil, Coreia do Sul, Costa Rica, Egito, Espanha, Inglaterra, Irã, Japão, México, Nigéria, Polônia e a anfitriã Rússia. No fim-de-semana, os países classificados foram Nigéria com 1 x 0 em Zâmbia, Egito com 2 x 1 sobre Congo aos 50 do segundo com emoção extraordinariamente emocionante na celebração pela volta a uma Copa do Mundo após 28 anos, Costa Rica num 1 x 1 sufocantemente dramático com Honduras para dar um pouco de alegria a quem tanto tem sofrido com os efeitos da tempestade Nate e Polônia com 4 x 2 sobre Montenegro. Já os 8 x 0 aplicados em Luxemburgo (maior vitória desde o mesmo escore pra cima de Cuba na Copa do Mundo de 1938) deixou a Suécia com um pé e quatro dedos do outro no Mundial pois a Holanda só vai eliminá-la se fizer 7 gols de diferença no confronto direto, o que só fez três vezes em 124 atuações em Eliminatórias Europeias, a última delas por 8 x 1 sobre a Hungria em 2013. Os próprios "laranjeiros" jogaram a toalha, reconhecem a derrota.

Curtinhas

*Brasil x Chile amanhã terá mudanças nos grupos: o brasileiro com Rodrigo Caio, do São Paulo, no lugar do lesionado Thiago Silva; e o chileno com Pavez, do Atlético Paranaense, substituindo o suspenso Vidal.

*Retirado o tumor no rim do Roger, do Botafogo. Após sabido se era benigno ou maligno, seguirá o tratamento.

*Saiu a tabela da Copa Flórida em janeiro de 2018 e serão três brasileiros pois o Fluminense se juntou de última hora a Atlético Mineiro e Corinthians para disputá-la: dia 10, Corinthians x PSV Eindhoven; dia 11, Atlético x Glasgow Rangers; dia 12, Fluminense x PSV; dia 13, Corinthians x Rangers; dia 14, Atlético x Atlético Nacional; e dia 15, Fluminense x Barcelona. Outros dois jogos sem brasileiros também acontecerão: dia 13, Barcelona de Guayaquil x Legia Varsóvia; e dia 20, Legia Varsóvia x Atlético Nacional.

*Ex-Brasil de Pelotas, Rogério Zimmermann estreou ontem como técnico do Joinville em exitoso 4 x 2 sobre o Tubarão pela primeira rodada da Copa Santa Catarina, com direito a 3 gols só de Rafael Grampola.

*São Marcos entrou para o ramo das bebidas. O goleiro campeão mundial lançou a Cerveja 12. Cheers!

*Federação Brasiliense sem presidente. Afastado por fraudes fiscais, Erivaldo Alves renunciou na sexta-feira.

*Femininas: enquanto o Rio Preto foi bicampeão paulista diante do Santos, agora com 3 x 1 em plena Vila Belmiro, o Corinthians estreia hoje na Libertadores contra o anfitrião e atual campeão Sportivo Limpeño.

*Na Noruega, a partir de agora homens e mulheres serão remunerados igualitariamente quando defenderem as seleções nacionais. Além disso, dinheiro vindo de publicidade será destinado pela equipe masculina para o time feminino, que desta maneira dobrará os atuais ganhos de 3,1 milhões de coroas noruegueses. Boa!!!

*Saiu a tabela do Mundial de Clubes, marcado para dezembro nos Emirados Árabes Unidos: no dia 6, Al-Jazira x Auckland City; no dia 9, Pachuca x campeão africano e Al-Jazira ou Auckland x campeão asiático; no dia 12, campeão da Libertadores x Pachuca ou campeão africano e a disputa do quinto lugar; no dia 13, Real Madrid x Al-Jazira ou Auckland ou campeão asiático; e no dia 16, o terceiro lugar e a finalíssima.

*Craque da Itália e hoje no New York City, Pirlo se aposentará em dezembro, ao término do contrato. Fará falta!

*Maratona de Chicago vencida nas mulheres pela etíope Tirunesh Dibaba com 2h18min31s e nos homens pelo nativo Galen Rupp com 2h09min20s. Ele é o primeiro americano a vencer em Chicago após 15 anos.

Lewis Hamilton é o campeão da Fórmula 1 em 2017

É mais fácil eu ganhar 10 mil mangos líquidos por mês do que Hamilton não ser campeão. É mais fácil Paulo Henrique Amorim passar a apoiar Aécio Neves e Diogo Mainardi virar lulista do que Hamilton não ser campeão. É mais fácil Luiz Carlos Silveira Martins virar colorado e Fernando Carvalho virar gremista do que Hamilton não ser campeão. É mais fácil gato latir e cachorro miar do que Hamilton não ser campeão. É mais fácil Glória Perez me chamar para gravar o último capítulo de "A Força do Querer" como o namorado com o qual Juliana Paiva acabaria a trama do que Hamilton não ser campeão. É mais fácil eu deixar de gostar de pizza de calabresa do que Hamilton não ser campeão. É mais fácil repararem todos os buracos das ruas da cidade do que Hamilton não ser campeão. É mais fácil alguém me convidar para ir ao show do Paul McCartney aqui em Porto Alegre nesta semana do que Hamilton não ser campeão. É mais fácil argentino torcer para o Brasil na Copa do Mundo do que Hamilton não ser campeão. É mais fácil Rica Perrone gostar da ESPN Brasil do que Hamilton não ser campeão. É mais fácil acabar o racismo neste país do que Hamilton não ser campeão. É mais fácil eu ser uma pessoa que as pessoas queiram próximas de si também pessoalmente e não apenas virtualmente do que Hamilton não ser campeão.

Todas essas coisas que falei acima julgo, considero, tenho e afirmo serem impossíveis tanto quanto não ser Lewis Hamilton o vencedor do Mundial de Fórmula 1 em 2017. De repente, o homem aliou à sua inegável e incontestável competência uma sorte com "SO" maiúsculo que abreviou demais a disputa pelo caneco. Na corrida da Malásia, tinha sido a largada no fundão que levou Sebastian Vettel a uma corrida de recuperação na qual acabou em 4º. Desta vez no Japão, um problema de vela fez a Ferrari do alemão ir morrendo lentamente nas primeiras voltas a ponto dele ir caindo, caindo e caindo, sendo ultrapassado até pelo Felipe Massa, não restando outra alternativa a não ser abandonar. Aí a corrida virou um tédio só, no máximo Max Verstappen ameaçando pressionar o inglês no finalzinho e sendo atrapalhado pelos intermediários Fernando Alonso e o próprio Massa, que foram tremendas malas sem alça neste caso - tão vendo o que falei da sorte com "SO" maiúsculo?

Com 59 pontos de vantagem após a etapa de Suzuka, Lewis precisa de um 4º lugar e três 5ºs nas últimas quatro provas do ano para confirmar na letra fria dos números aquilo que, no conjunto de circunstâncias, comprovado por A + B = C está. Mas mesmo na próxima corrida nos Estados Unidos, daqui a dois domingos, isso poderá acabar de vez. Basta ele vencer e Sebastian no máximo chegar em 6º. Na fase que o homem atravessa, vocês têm alguma dúvida de que isso seja muito possível? Eu não tenho, como não tenho dúvida alguma, reafirmando o título, de que Lewis Hamilton é o campeão mundial de Fórmula 1 em 2017. Só falta entregar a taça.

Sintonia PB

Começa o tópico desta "24 Horas" que está antenado no que ocorre fora dos esportes. Às novidades:

*Leio no Flávio Ricco que as mudanças impostas por Silvio Santos no jornalismo do SBT (dizem que influenciadas por queixas de Dudu Camargo de que andava "faltando factual") estão muito além do que deveriam acontecer se adotadas. Não é apenas o "SBT Brasil" não ter mais o tempo com Carolina Aguaidas e o esporte com Bruno Vicari. Não é apenas a saída do Kennedy Alencar. Leio agora no Flávio Ricco que Joseval Peixoto deixará o canal ao término do contrato em 31 de dezembro, já que entendem que o noticiário pode ter um só apresentador homem ao invés de dois em revezamento, além de Joseval ter virado um mero leitor de notícias, o que é muitissíssimo pouco para alguém de tão forte e importante opinião como ele demonstra ser há mais de 40 anos no "Jornal da Manhã" da Jovem Pan. Menos mal que o colunista afirma que Joseval ainda inicia planos de desenvolver uma apresentação de programa semanal de entrevistas, restando saber em qual emissora. De qualquer maneira, só se pode lamentar os rumos que o jornal estreado ainda em 2005 pela Ana Paula Padrão esteja tomando, rumos que podem até botar a perder a credibilidade resgatada pela própria Ana, isso tudo por causa de um raparigo inconsequente.

*Quem olha aqui essa foto pode pensar que Juliana Knust seria a nova repórter da Rede Record. Mas não é bem assim. Leio na Patrícia Kogut que ela tem acompanhado uma equipe de jornalismo da emissora para viver uma repórter em "O Apocalipse", que também será uma novela bíblica (parece que a Record agora só sabe fazer novela bíblica e mais nada), mas mais contemporânea, dos anos 80 até os dias atuais.

*Segunda-feira da estreia da "Turma da Mônica" na Cultura, em dois horários: 11h30 e 17h30. Imperdível!

*Duas beldadas estiveram ontem de aniversário: 30 anos da bonitona Ana Carolina Dias, atriz de novelas como "Viver a Vida", "Fina Estampa" e "Império"; e 35 anos da espetacularmente lindississíssima Ildi Silva, que esteve em tramas como "Paraíso Tropical", "Bela, a Feia", "Morde & Assopra" e "Gabriela".

*Falecido em 1998, o grande Lilico nasceu há 80 anos fechados ontem. Iniciado no rádio e chegado à televisão em 1968, ficou famoso como o Homem do Bumbo na "Praça é Nossa", do SBT, da estreia até a morte.

*Fez 65 anos neste domingo o diretor Edward Zwick, que realizou obras como "Sobre Ontem à Noite...", "Lendas da Paixão", "Coragem Sob Fogo", "Nova York Sitiada" e "O Último Samurai", entre outras.

*Segunda-feira dos 25 anos de Tyler James Williams, intérprete do Chris Rock em "Todo Mundo Odeia o Chris" de 2005 a 2009 e do Noah em "The Walking Dead" entre 2014 e 2015. Seu último trabalho foi como o analista técnico Monty em "Criminal Minds: Beyond Borders" desde 2015 até o cancelamento neste ano.

*Jacques Tati nasceu há 110 anos hoje completados. Falecido em 1982, iniciou fazendo carreira no rúgbi de sua França e partiu para o cinema em 1932. Seu personagem mais famoso foi o Monsieur Hulot, o qual interpretou em quatro filmes: "As Férias do Sr. Hulot" (vencedor da Palma de Ouro em Cannes), "Meu Tio" (Oscar de melhor obra estrangeira), "Tempo de Diversão" (filme com cenários gigantescos que levou o ator e diretor à falência) e "As Aventuras do Sr. Hulot no Tráfego Louco" (último momento de brilho na carreira).

E fique antenado! "Sintonia PB" continua de olho no que ocorre fora dos esportes e retorna na próxima coluna.

Momento Raridade Rara: Guilherme Karan

O domingo foi dos 60 anos do nascimento deste saudoso ator de excelente talento para o humor, que faleceu no ano passado após desenvolver a doença degenerativa Síndrome de Machado-Joseph. Com exceção de algumas aparições na Manchete em "Dona Beija" e "Carmem", de mais a mais esteve só na Globo em termos de TV, com papeis de destaque em "Perigosas Peruas", "Explode Coração", "O Clone" e "América", o último deles. Destaco três momentos ótimos do Karan: de 1989, "TV Pirata" com ele de Diabo enfrentando Deus (Diogo Vilella) numa corrida de Fórmula 1; de 1996, encarnando Freddie Mercury em "How Can I Go On" ao lado de Xuxa dando uma de Montserrat Caballé no especial "Direito de Ser Feliz"; e de 2004, "Vídeo Show" com um quadro especial mostrando como estariam naquela ocasião dois inesquecíveis personagens de "Meu Bem, Meu Mal" em 1990: o mordomo Porfírio por ele vivido e a Divina Magda (Vera Zimmermann), por quem tanto se desmanchava. Aliás, atualmente é inevitável não lembrar do Porfírio pois, antes na Bandeirantes e agora na GloboNews e às vezes até na Globo em si, igualzinho a ele com "IG" maiúsculo é o repórter de política federal Victor Boyadjian.

Bela do Dia: Débora Alfano

Débora Alfano, apresentadora da BandNews FM e ex-apresentadora do BandNews TV. Sim, ex do canal televisivo. Leio no Flávio Ricco que, por decisão própria, ela decidiu sair da emissora fechada após dois anos para ficar somente na rádio, da qual é componente desde 2008.

Momento Raridade Rara: Amilcare Dallevo Jr.

Quem faz 60 anos nesta segunda é o co-dono da RedeTV!, também conhecido por "Sr. Daniela Medúsia Toddynho Albuquerque", que fez fortuna na década de 90 a partir da empresa TeleTV, que prestava serviços de 0900 a tudo quanto era emissora de televisão - inclusive para a Globo no programa "Você Decide" e para a Bandeirantes no sorteio "Tele Sorte" durante as transmissões esportivas. Em 1997, ele e o sócio Marcelo de Carvalho compraram espaço na grade da Manchete para lançar o programa de auditório "Domingo Milionário", que contava com vários apresentadores, um deles sendo J. Silvestre em sua última presença no vídeo. Em 1999, os dois decidiram adquirir as concessões da Rede Manchete, que já estava mais do que nunca "no bico do corvo". Como assistem aqui, em maio daquele ano Amilcare deu entrevista ao hoje prefeito paulistano (dizem que é prefeito paulistano, embora mais esteja para pré-presidenciável) João Dória Jr. e à Denise Campos de Toledo no "Show Business", na qual falava sobre os planos para a estação, que em novembro daquele ano seria renomeada para RedeTV!.

Clipe do Dia I

Terminava há 35 anos ontem fechados a última novela das 8 escrita por Janete Clair: "Sétimo Sentido", que Sílvio de Abreu ajudou a terminar. Nesta produção, Regina Duarte vivia uma moça com toques sobrenaturais. Um pouco do que era esta trama está aqui, em "Túnel do Tempo" do "Vídeo Show" em 2012. Aproveite e curta aqui a abertura da novela estrelada por Regina Duarte. O tema musical era "As Vitrines", com Chico Buarque.

Clipe do Dia II

Fez 35 anos neste domingo a estreia na Broadway de um espetáculo que não é original dela, mas que foi um dos seus maiores campeões de audiência: "Cats", musical lançado por Sir Andrew Lloyd Weber na Inglaterra em 1981, neste país ficando em cartaz por 21 anos. Nos Estados Unidos, foram 18 anos consecutivos de apresentações, recorde superado apenas em 2006 por "O Fantasma da Ópera". A mais famosa canção desta peça está aqui: "Memory", cantada por Betty Buckley no Tony Awards de 1983, que foi varrido com "VA" maiúsculo por "Cats" com 7 troféus nas 11 indicações que recebeu, entre eles o de melhor musical do ano. No mesmo ano de estreia da produção no Reino Unido, Barbra Streisand e Barry Manilow lançaram versões desta canção.

Arremate

Carlos Arthur Nuzman pediu afastamento do COB por tempo indeterminado. Se for para sempre, será melhor.

"24 Horas" volta antes que também a corja ligada ou que pense igual a este homem seja corrida de vez!

O COLUNISTA: Edu Cesar é criador e editor do Papo de Bola (autor também da coluna "Papo de Mídia").

TWITTER: @papodebola
FACEBOOK: SitePapoDeBola
INSTAGRAM: EduPapoDeBola
E-MAIL: papodebola@gmail.com


LEIA
COLUNAS ANTERIORES
VEJA
"BELAS DO DIA" ANTERIORES

.


 
Seja mais um seguidor do Papo de Bola e leia as manchetes do site e comentários diversos.

PAPO DE BOLA - O SITE Desde 2/6/2003 Jogue junto com este time!
Criação, produção e edição Edu Cesar E-mail papodebola@gmail.com

.